.

.
.

quinta-feira, 1 de dezembro de 2011

IMPOSTO JUSTO?












Não gosto de replicar notícias no blog, sendo a primeira vez que farei isso. Mas o texto a seguir é de interesse de todos os jogadores, então lá vai:

A Comissão de Ciência e Tecnologia, Comunicação e Informática da Câmara dos Deputados aprovou a redução do Imposto sobre Produtos Industrializados (IPI) para desenvolvedores de jogos de consoles e computadores, e também isenção de alíquotas de PIS e Cofins para importação de games.

O texto ainda passará por uma análise nas comissões de Constituição e Justiça e de Cidadania, e de Finanças e Tributação antes de entrar em vigor. Porém, o mesmo foi aprovado em caráter conclusivo, assim não há necessidade de ser aprovado em Plenário.
O deputado Hugo Motta, do PMDB-PB, foi autor do texto, utilizando sugestões de projetos escritos por três outros deputados: Antônio Carlos Mendes Thame, do PSDB-SP; Sandro Alexdo PPS-PR; e Mauro Mariani, do PMDB-SC.


A notícia acima, antes que eu me esqueça, foi retirada do site Omelete.com.br.
E fica a pergunta: será que agora vai?

Certa vez, lendo a revista EGW, me deparei com um depoimento de um lojista de games. O assunto era os impostos sobre os jogos de videogames e, pra resumir, ele dizia com todas as letras que dificilmente os lojistas baixariam os preços dos jogos, mesmo que houvesse uma queda de 30% nos impostos.
E sabe o motivo? É que o consumidor de games está acostumado a pagar mais caro.

É, amigo. Simples assim.
Anos de luta para que nosso entretenimento preferido fosse reconhecido e desmarginalizado apenas para vermos um antigo sonho ser ofuscado pela ganância de varejistas que só querem ganhar dinheiro com o produto da moda.

A PURA VERDADE


Você acha que essa redução mudará alguma coisa? Que ótimo. Ainda há esperança enquanto houver inocência e ingenuidade. E como eterno inocente e ingênuo que sou, não me custa nada sonhar...


SÓ PRA DEIXAR CLARO



Au Revoir!

3 comentários:

  1. Marcos A. S. Almeida1 de dezembro de 2011 23:12

    Mas Shadow , você queria que não houvesse queda nos impostos só porque você "acha" que não vai adiantar? O seu raciocínio é ingênuo.É óbvio que existe o lojista ganancioso , em todos os ramos.Mas felizmente eles são uma minoria e melhor, existe a concorrência e é ela que equilibra essa balança.A própria internet será uma ferramenta importantíssima no combate aos abusos , tanto como fonte de pesquisa como a de exercer um concorrência.Eu até entendo a sua revolta , mas sinceramente o seu raciocínio nesse aspecto foi muito "simplista".Com a redução dos impostos o próprio mercado irá se movimentar , mas é necessário um primeiro incentivo, como este da redução.Sem esse incentivo , sim, o mercado é vive inundado de oportunistas.

    ResponderExcluir
  2. A ideia era ser simplista mesmo, Marcos. não é que eu não acredite que essa redução não vá melhorar em nada a situação dos preços. claro que vai. o post foi mais um desabafo a respeito da ganância da maioria dos vendedores que só querem lucrar e lucrar. como eu mesmo disse no texto, Im a eternal believer. games são meu entretenimento favorito, mas prefiro ter uma visão mais puxada pro pessimismo (nesse país você acaba ficando assim, mesmo a contragosto). nesse caso, o que vier pra melhor é lucro, literalmente.

    ResponderExcluir
  3. Poa, não posso te adicionar no Steam.É preciso ter jogos baixados para poder fazer isso, e não tenho como fazê-lo no momento. se não tiver uma alternativa, fica pra próxima.

    ResponderExcluir

SE FOR SPAM, DESISTA. NÃO PASSARÁ PELA MODERAÇÃO.
Pra comentar é preciso ser membro do blog. Culpe os spammers, não a mim...