.

.
.

domingo, 30 de julho de 2017

GALERIA EM BITS #3






















Se você parar pra pensar um pouco, nós seres humanos estamos vivendo numa época louca: não precisamos mais nos atracar com um tigre-dentes-de-sabre para garantir nosso pão de cada dia; não passamos mais frio ou morremos de inanição; e não nos arriscamos a perder uma perna ou morrer aos 17 anos de idade por causa de uma tuberculose (claro que me refiro apenas à parcela de bem-afortunados que não vivenciam dificuldades sociais da era do bronze).

E não é só isso: além da nossa expectativa e qualidade de vida terem praticamente quadruplicado com relação aos nossos antepassados das cavernas, o ser humano moderno goza de uma acesso e rapidez de informação apenas vistos em obras sci-fi futuristas ou livros de Julio Verne (o que dá no mesmo).

Sendo assim, a humanidade já devia estar evoluída o bastante para que todos pudéssemos nos concentrar em tarefas intelectuais que nos propiciasse um melhor entendimento dos fatos da realidade que nos cerca, concorda? Entretanto, as conspirações não param de surgir: há quem acredite que a Terra é plana, que o aquecimento global é uma estratégia da China para derrubar a economia americana, que existem criaturas reptilianas puxando as cordinhas invisíveis da nossa sociedade direto das profundezas da Terra e que a ida do homem à lua foi uma produção de filme B, feita por pessoas que não tinham coisa melhor pra fazer da vida.

O homem não só foi à lua como encontrou baleias gigantes por lá.

Sinto muito decepcioná-los, mas TODOS estão equivocados. Redondamente equivocados... Há quem acredite que o cair das bombas, no ano de 2077, foi arquitetado por uma empresa fabricante de Vaults desesperada em cumprir o prazo de entrega exigido pelo governo americano. Mas a verdade está lá fora, debaixo de 300 pontos de intensidade no contador Giger do seu Pipboy-3000...

Quem manda nessa bagaça toda são os ursos. Simples assim. E pra não dizerem que falo sem evidências, abaixo segue uma série de provas fotográficas que permitirão aos leitores e acompanhantes do blog perceberem que a minha afirmação não é mais uma teoria da conspiração sem eira-nem-beira. Ajeite o chapeuzinho de papel alumínio na cabeça e seja bem-vindo de volta a um pouco mais de zoeira na eterna Boston radioativa de Fallout 4.


VERNISSAGE BOSTON RADIOATIVA, PARTE 2: OS URSOS ESTÃO LÁ FORA...

 
"Eu sou só usuário, seu guarda, eu juro!

O que tem de errado nessa foto? O risco de choque elétrico, claro!
Lavagem a seco...
Depois do trampo, encostar na poltrona e simplesmente relaxar...
A falta de veracidade de Fallout é absurda: JORNAL em 2077?
E eu pensando que só ator da Globo ficava na geladeira.
Aqueles dias que você acorda abraçado com seus amigos sem lembrar da noite anterior...
Com o motorista, fale somente o indispensável.
Se não aprender a pensar fora da caixa não chega a lugar algum.
Fico me perguntando pra quê a fita adesiva...
"Então, meus netinhos, era uma vez um país comunista que começou a ficar sem recursos naturais..."
"Não fui eu."
Eu sei que tem uns que ficam ansiosos, esperando uma ligação, mas isso..."
O horror da guerra não poupa nem os cadeirantes.
Bosco, o urso-esquilo camarada.

Au Revoir

Nenhum comentário:

Postar um comentário

SE FOR SPAM, DESISTA. NÃO PASSARÁ PELA MODERAÇÃO.
Pra comentar é preciso ser membro do blog. Culpe os spammers, não a mim...