.

.
.

sexta-feira, 2 de novembro de 2012

MAIS UM ANO DE MAIS UM BLOG DE GAMES














O Mais Um Blog de Games completou um aninho de vida no mês passado, outubro. Só escrevi este post agora, por pura falta de vontade, por preguiça e pela já manjada falta de tempo. 
O propósito dele, além de deixar o registro sobre a criação do blog, é conversar de forma descompromissada mesmo. Sem muita forma ou script pré-definido, como deve ser com todas as conversas informais.
Maaaaaaas, como gosto de listar e classificar coisas, vou colocar alguns tópicos que acho relevantes para esta feliz data comemorativa.


POSTS QUE EU MAIS GOSTEI DE ESCREVER NO BLOG

Olha o Shadow, trabalhando em um dos posts...












Como eu sempre costumo me queixar, alguns posts do blog levam meses para serem finalizados. Muitos destes post levam bastante tempo pois demandam inspiração. E sem inspiração, o post acaba ficando em standby até que a minha paciência permita retomar o trabalho.
Alguns textos alcançam o ápice deste processo, “exigindo” dois ou mais dias seguidos de dedicação para que sejam finalizados, sob pena de as informações se perderem caso não fossem tomadas as notas necessárias para a construção do texto.

Claro, o meu grau de satisfação com um texto depende de vários fatores, como a já citada inspiração; reação (consequentemente, participação) dos leitores do blog e a minha própria opinião com o resultado final do artigo.
Ao longo desses doze meses de blog, publiquei ao todo 84 postagens (contando com esta). Sei que é uma taxa bastante baixa de posts, se comparada a de outros blogs, mas isso não me importa, visto que não estou apostando corrida com ninguém. Abaixo seguem os posts que mais me deram prazer em escrever para o blog. Os links estão nos títulos dos posts, exceto pelo último post.


1-REVIEW SUPREMO DO STREET FIGHTER 4: esse foi o primeiro post do blog, há um ano. Gostei muito dele porque adoro Street Fighter.
Esse post deu o maior trabalho para editar, pois eu não tinha nenhum conhecimento de edição ou de como usar as ferramentas do blogger. Durante a publicação do post eu tive que colocar as fotos no artigo várias e várias vezes, pois elas teimavam em desaparecer do nada.

2-PRA NÃO DIZER QUE NÃO FALEI DAS FLORES: coincidentemente, o segundo post do blog. Esse texto entra naquela categoria de posts que “se escrevem por conta própria”. Quase tudo que escrevi no texto foi surgindo enquanto eu experimentava a demo baixada pela PSN. Saiu de uma vez só, e ficou bom. Por isso gosto tanto deste post, pelo fato dele ser uma manifestação quase que totalmente involuntária das minhas impressões sobre o jogo.

3-PORTAIS DO INFERNO VERSUS DRAGÕES DE GELO: além das referências aos jogos do título, comparar o velho com o novo é sempre uma tarefa divertida. Esse post é um dos mais acessados, e até hoje eu não sei o porquê. Também não entendo muito bem como funciona os mecanismos que medem os acessos do blogger, então fica o mistério. E a minha queixa dos anéis persiste até hoje.

4-MÚLTIPLOS CHOQUES BIOLÓGICOS: eu me esforço horrores para bolar esses trocadalhos e essas traduções para os títulos dos posts. Também tento colocar legendas interessantes nas fotos contidas nas postagens. E nesse post eu acho que consegui alcançar o objetivo. E eu adoro o multiplayer do Bioshock 2. Falar sobre isso foi mais fácil que somar um mais um.

5-LAMENTO DE INJUSTIÇA: um ótimo jogo, sendo que eu devia ter colocado o marcador “Ótimo Jogo que Ninguém Jogou” para esse post. Uma das melhores trilhas sonoras, assim como a de Final Fantasy 8.

6-UMA PORTA QUE SE FECHA: engraçado como são esses jogos off spotlight que saem vez ou outra: jogamos uma ou duas vezes, no máximo, mas eles ficam na cabeça pelo resto da vida. E sim, o tema de despedida de GlaDos, I Want You Gone, ganhou uma vaguinha no disputado mp3 do meu celular.

7-OSSOS DO OFÍCIO: esse post foi leseira pura. Aliás, a palavra “leseira” me lembra o termo em inglês “leisure”, que significa lazer; folga; tempo livre. Bem apropriado para a ideia do texto.
Escrever por escrever pode se algo bastante divertido. E, quando um texto te obriga a “perder” a metade de um apertado sábado ou domingo de descanso, significa que você realmente está dedicando o seu tempo livre a algo que gosta.

8-REVIEW SUPREMO DO FALLOUT 3: um dos meus favoritos, o game e o post. Um detalhe curioso sobre esse post é que eu comecei ele mas o deixei de molho por algum tempo, pois as ideias simplesmente não apareciam. Depois tive um ímpeto incontrolável de continuar e terminei tudo quase que no mesmo dia.

9-A TELA PERDIDA: este texto ainda não foi publicado. Mas será o maior (e mais trabalhoso) texto do blog, de longe, pois já vai em mais de 40 páginas de Word. Espero que os leitores consigam lê-lo. E espero que a velha frase “...se divirtam lendo tanto quanto eu me diverti escrevendo” esteja mais viva do que nunca com este texto. Já sei que vou ter um trabalhão danado com ele só para colocar as fotos e vídeos. E também sei que será um dos meus posts prediletos.



LIÇÕES APRENDIDAS COM O MAIS UM BLOG DE GAMES












Obter conhecimento e experiências de vida sempre é bom. Nunca é uma perda de tempo parar um pouco para refletir ou para dar ouvido ao ponto de vista de outras pessoas.
Os posts da série “A Árdua Tarefa...” e etc. me fizeram entender melhor como funcionam as coisas no mundo virtual, conhecimento este que serve também para o mundo real. O post Ensinando a Pescar foi o resultado do pouquinho que pude aprender nesses meses de blog. Abaixo, algumas observações e lições que pude tirar com a experiência de ser pai de um blog:

-BLOGS TÊM VONTADE PRÓPRIA: e eles não estão nem aí para os seus problemas pessoais ou o seu tempo disponível. Não ligam muito para seus dramas e só querem ser alimentados com uma frequência satisfatória. E nem tente abandoná-los ou se livrar deles por meio de posts sentimentais de teor de despedida. O universo conspirará contra você e eles sairão vitoriosos no final das contas.

-CONSUMIR CONTEÚDO É BEM MAIS FÁCIL QUE CRIAR: a barra de favoritos está lá, como uma silenciosa e fiel companheira do seu dia-a-dia. Um clique em um dos botões é o suficiente para conferirmos se saiu uma nova postagem do nosso blog favorito ou se vamos fechar a cara como forma de protesto pelo “egoísmo” dos autores em não se preocupar em atualizar o site.
Mas o pior mesmo de se manter um blog, em minha opinião, é quando somos arrebatados por inesperados (e geralmente inconvenientes) rompantes de criatividade nos lugares mais inusitados e desprevenidos de quaisquer meios que nos permitam tomar nota: banheiro; ônibus; fila do banco; momentos antes de pegar no sono, na cama. E não adianta querer parar a reunião com o chefe para explicar a ele que surgiu uma tirada de suma importância em sua cabeça que vai ajudar a enriquecer aquele texto enorme no qual você vem trabalhando há meses...

-DEVAGAR E SEMPRE É MELHOR QUE SEMPRE COM BAIXA QUALIDADE: a frequência de postagem é uma FAQ de nove entre dez criadores inexperientes com blogs.
Eu descobri a frequência ideal a minha rotina e ritmo de vida: uma postagem por semana é o suficiente para manter o interesse dos leitores no seu blog e para garantir que as pessoas saibam que você ainda está vivo.
Claro, se a necessidade exigir ou se o seu tempo livre permitir, esse intervalo não deve ser levado a sério como uma regra.

-ENQUETES SÃO UM SACO: a ferramenta de enquetes do blog não ajudou em nada a quebrar a minha insatisfação com enquetes de sites. Não há uma forma prática de criar uma nova enquete sem ter que remover a ferramenta (e depois colocar de novo no lugar) do layout do blog. Claro que existem sites dedicados a isso, mas demandam alterações em certas linhas de comando da página. Alterações essas que podem ser catastróficas, dependendo do nível de conhecimento de quem está brincando com o fogo. No meu caso, quase zero, então, melhor não arriscar.
Para piorar, não é impossível formatar a enquete uma vez que alguém já tenha votado. A a teima do blogger em reiniciar as minhas enquetes do nada e apagar os votos não ajuda muito.
Não desistirei das enquetes, por enquanto, mas fica a reclamação.

-TROLLS ACHIEVEMENTS TÊM O SEU VALOR: eles podem parecer maus em uma primeira instância, mas desempenham um papel fundamental para o ecossistema dos blogs.
Seja com críticas construtivas bem fundamentadas ou para, simplesmente, liberar novos troféus/conquistas a blogueiros de primeira viagem, os Trolls Achievement servem para aguçar o nosso instinto de autocrítica, coisa que pode garantir uma espécie de sintonia fina para a evolução de um blog. Isso se você tiver a capacidade de levar na esportiva e não alimentá-los, claro.



SOPRANDO A VELINHA

99 é o limite...














Para terminar esse curto post de registro, gostaria de agradecer a todos que perdem tempo de seus dias dando atenção às leseiras deste que vos escreve. Quero agradecer àquelas pessoas que comentam nos posts, assim como aqueles que apenas leem sem se manifestar.
Um agradecimento em especial para o camarada Aquino, do Retina (forma carinhosa), que me apadrinhou desde o começo e sempre está presente nos momentos em que mais preciso, assim como todos os outros que me dão apoio nesta empreitada.
Para concluir, queria pedir que às pessoas que forem comentar neste post me enviassem presentes e comida (bolo, pois aniversário sem bolo é como final de Resident Evil sem fuga no helicóptero), pois gosto de comer e serei obrigado a encerrar as minhas atividades como blogueiro caso essas exigências não sejam atendidas.
Brincadeirinha. Só queria pedir que os comentários feitos venham com uma sugestão de coisa que gosta no blog e de coisa que não gosta. Pode ser qualquer coisa, desde temas para posts até pequenos detalhes, como duração dos artigos e etc.. Dessa forma terei um norte para continuar a melhorar o blog e continuar com meu trabalho informal e sem fins lucrativos (pois, se dependesse da quantidade de posts para ganhar dinheiro, já podia encomendar meu caixão rsrsrs).
Claro, já vou avisando que me reservo ao direito de ignorar sumariamente as sugestões que eu achar menos relevantes, ofensivas ou desnecessárias, mesmo que sejam publicadas por mim de qualquer jeito pela mediação de comentários (censura saiu de moda). E sim, o Sr.Troll Achievement está convidado para a festa também.

E é isso. Espero que esse ano que passou tenha sido Apenas Mais Um Ano do Mais Um blog de Games, e que mais um ano comece.

Oba! Eu quero!


Au Revoir! 

7 comentários:

  1. Completar o primeiro ano de existência de um blog é uma Conquista e tanto. Muitos, muitos mesmo não chegam até aqui. Parabéns, camarada Shadow! Obrigado por confirmar o que eu já percebia desde o começo: o Mais Um Blog de Games não é mais um blog de games, mas uma deliciosa leitura que veio para ficar.

    Sobre o bolo, o bolo é uma mentira. É melhor que eu faça essa piada antes que um desconhecido...

    Sugestão: coloque links na lista de postagens que você mais gostou de escrever! Para quem está conhecendo o blog agora será uma excelente oportunidade de se aprofundar.

    Abraços, sucesso e mais anos para comemorar!

    ResponderExcluir
  2. obrigado pelo lembrete, camarada Aquino. nem tinha me dado conta. também esqueci de colocar o Review Supremo do Fallout 3, um dos meus posts prediletos. a do bolo eu não entendi, mas abstrai...

    ResponderExcluir
  3. entendi a do bolo agora. mas faltou vc dar as sugestões (falo de forma geral) e a crítica ao blog.

    ResponderExcluir
  4. Parabéns Shadow !
    Fico feliz de verdade por ter chegado até aqui, foi um prazer acompanhar suas postagens durante esse 1º ano do blog.
    Me emociono com a lembrança e o convite para para comemorar, afinal nosso primeiro contato poderia ser todo trágico mas vc demostrou uma postura fantástica ao assimilar o que tinha comentado e ganhou muito meu respeito por ter respondido a minha trolagem com muita classe.
    Seus textos estão cada vez melhores, seja pela variação dos temas ou pela própria expêriencia que passa em demonstrar com clareza sua opinião.
    Sem dúvida as vzs me pego dialogando com seus textos e projetando em mim sua visão dos jogos para enriquecer a minha relação com os games.
    Tarefa árdua sem dúvida e assim fique ao menos com a minha gratidão sincera por vc ter todo esse trabalho compartilhado com todos por aqui ao longo desse primeiro ano.
    Parabéns Shadow mais uma vez e continua firme que está cada vez melhor!
    - Troll Achievement

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. a sua gratidão é mais do que suficiente, Troll. e eu devo dar o braço a torcer que o Re6, no fim das contas, não merece toda a empolgação que demonstrei naquele curto post. fazer o quê. é como diz uma famosa banda em uma de suas músicas, "Life is hit and miss..."
      vivendo e aprendendo. obrigado pelo apoio, e nem se preocupe que eu vou me esforçar para que a essência do blog só mude para melhor.

      abraço

      Excluir
  5. Aêee, Shadow! Parabéns para o "Mais Um"! \o/

    O seu blog foi uma grata surpresa. Como você já sabe, vim parar aqui graças à indicação do Aquino e não larguei mais. Gosto muito do esmero com que você trabalha seus textos, sempre bem elaborados e detalhados. Mas, ao mesmo tempo, sua forma bem humorada de se comunicar traz leveza até aos artigos mais densos, tornando a leitura gostosa. Pra mim, esta é sua identidade. =D

    Bom, no momento não me vem à mente alguma crítica ou sugestão, mas se surgirem ideias volto depois pra compartilhar. No mais, posso dizer que fiquei bem curiosa sobre esse post "Tela Perdida" e continuo ansiosa por um certo review supremo (você sabe qual, hehehe).

    Abraços!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. nossa! será que o blog é tão bom assim para ninguém achar pontos fracos nele? assim eu fico mal acostumado! brincadeira. já saquei que os leitores não se sentem muito à vontade para criticar negativamente. deve ser porque eu disse que ia ignorar sumariamente as sugestões que não me interesassem. me and my big mouth...

      obrigado, Rebeca. adoro a sua participação nos comentários, você já sabe disso :), mas infelizmente vou ficar te devendo o review supremo do você-sabe-quem que eu prometi. esse post A Tela Perdida tá me consumindo de um jeito que nem te conto, e tem outros na fila também. tô esperando chegar a minha BFG do Doom 3 pra poder fazer um Mega Review Supremo de um dos jogos que eu mais gosto. um beijão e vê se não some!

      Excluir

SE FOR SPAM, DESISTA. NÃO PASSARÁ PELA MODERAÇÃO.
Pra comentar é preciso ser membro do blog. Culpe os spammers, não a mim...